25 de junho de 2010


Há um ano


Ouvi pela primeira vez o som suave da sua voz


E é como se eu nunca tivesse ouvido nada antes


Pude sentir o toque delicado da sua pele


O seu cheiro tão gostoso de bebê!




Há um ano


Pela primeira vez nossos olhares se cruzaram


E os seus olhinhos tão delicadamente tocaram meu coração


E tivemos certeza do que estava acontecendo:


Nós éramos agora MÃE e FILHO!




Há um ano você deixou meu ventre


Todo indefeso procurando com suas mãozinhas


Encontrou o meu colo e eu encontrei a vida!


Tudo para mim era novo e maravilhoso


Como se tudo o que eu vivi fosse pouco naquele momento!


Os meus sonhos, meus desejos... tudo era você agora!




Há um ano você nasceu


E mudou tudo dentro de mim


E é como se só existisse o amor..


Só existisse vida!


Pela primeira vez senti vontade de viver para sempre


Quando te vi!




Eu contava todos os seus dedinhos


Ficava pensando em como tudo seria


As primeiras palavras os passinhos as mamadeiras


Quando você me chamaria de mamãe!


Há um ano
Pela primeira vez
Te descobri filho!

2 comentários:

Sérgio Vieira disse...

Ótimo! Adorei, Dani...
Muito legal o seu blog!!!
Já estou seguindo e coloquei como favoritos no meu...

Beijão prima... Saudades de você, poxa!!!!!!!

Roberta disse...

Prima... Q poesia mais Linda! Ser mãe deve ser algo sem palavras. Espero um dia poder sentir essa sensação. ( mais vai demorar um pouquinho) rsrsrs

BjaoOo!
Saudades!

"Aprendi" kkkk